Bem vindo ao Universo, fórum de discussão sobre Astronomia. Aprenda mais sobre o universo e participe da nossa comunidade.
 
InícioPortalFAQBuscarRegistrar-seMembrosGruposConectar-se

Compartilhe | 
 

 Telescópio Espacial Hubble flagra alinhamento de galáxias

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Shadow Neo
Administrador
Administrador
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 691
Idade : 27
Localização : Rio de Janeiro
Data de inscrição : 18/09/2007

MensagemAssunto: Telescópio Espacial Hubble flagra alinhamento de galáxias   Qua Set 17, 2008 1:00 pm

Um alinhamento curioso e incomum permitiu que um grupo internacional de astrônomos desvendasse um dos segredos de pelo menos algumas galáxias como a nossa: como nascem as estrelas que residem em sua periferia. Isso sem falar que a foto, obtida pelo sempre atento Telescópio Espacial Hubble, é de tirar o fôlego.

O par de galáxias centralizado na foto ganhou o adorável nome 2MASX J00482185-2507365. "Poético, né?", brinca Julianne Dalcanton, da Universidade de Washington, nos EUA, uma das autoras do novo estudo. "Mas pelo menos ele tem um nome", destaca a cientista, lembrando que a imensa maioria das galáxias -- são tantas espalhadas universo afora -- nem chega a receber um nome.


Pequena galáxia espiral passa à frente de outra, maior, em imagem do Hubble (Foto: NASA/ESA/STScI)

Como se pode ver, são duas galáxias espirais, ou seja, com braços que se curvam sobre o centro -- exatamente como a nossa boa e velha Via Láctea, galáxia que abriga a Terra.

A menor, pasme, é a mais próxima. Mas ela está bem afastada da maior e mais distante -- e é esse alinhamento fortuito que acabou gerando dados muito interessantes para os cientistas.

Pelo fato de que a galáxia mais próxima está à frente da mais distante (que, por sua vez, está a 780 milhões de anos-luz daqui), é possível observar certas nuvens de poeira localizadas na borda de seus braços exteriores. Normalmente, contra o fundo negro do espaço, essas nuvens não seriam visíveis.

"A poeira é a parte interessante", diz Dalcanton. "Sabemos que a maioria das galáxias espirais tem discos grandes de hidrogênio, mas não sabemos muito sobre o gás mais frio localizado mais longe do centro da galáxia. Esse gás é importante, já que é o precursor imediato da formação de estrelas. Como a poeira e o gás são fortemente associados, onde você encontra uma grande quantidade de poeira, você sabe que haverá gás também."

Isso confirma o que os astrônomos imaginavam, pois a presença do gás, antes "invisível", era exigida para a formação de estrelas naquela região -- fato fartamente confirmado por observações.

Mais que isso, as observações também ajudaram a ver que o gás está fortemente confinado nos braços espirais da galáxia.

Dois anos na geladeira

A imagem que propiciou a descoberta não é exatamente nova -- fazia parte de um grande conjunto de observações iniciado em 2006 por Dalcanton e seus colegas. "Essas eram apenas duas galáxias aleatórias que caíram em uma imagem que obtivemos como parte de uma grande pesquisa de galáxias próximas", conta a pesquisadora. "Ben Williams, um aluno de pós-doutorado na Universidade de Washington, foi o primeiro a notá-las. Dissemos, 'ei, essas são legais, alguém deveria fazer algo com elas, provavelmente'. Mas tínhamos o resto da pesquisa com que trabalhar, então elas tiveram de esperar."

A espera terminou em janeiro, quando o grupo de Dalcanton fez uma parceria com Benne Holwerda, da Universidade da Cidade do Cabo, na África do Sul, para estudá-la. "Nós enviamos as imagens para Benne, que liderou a análise. O sistema é perfeito para esse tipo de análise, porque a galáxia de fundo é incomumente regular, de forma que a maior parte da estrutura que observamos pode ser atribuída a variações na distribuição da poeira, e não na luz da galáxia de fundo."

Um artigo detalhado sobre a pesquisa foi aceito para publicação no periódico "Astronomical Journal".

Fonte: G1 > Ciência e Saúde

_________________
Leia as regras do fórum antes de postar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário https://twitter.com/NeoFahrenheit
 
Telescópio Espacial Hubble flagra alinhamento de galáxias
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» dúvida..Espelhos eSFÉRICOS
» Fórmula derruba teoria da formação das galáxias
» A figura a seguir mostra o telescópio espacia
» IEPG - Igreja Evangélica Pica das Galáxias
» Dúvida questão de termologia

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Universo :: Conheça a Astronomia :: Últimas Notícias-
Ir para: